<$BlogRSDUrl$> Site Meter

quinta-feira, setembro 25, 2003

Para que não digam que me escondo atrás do anonimato para escrever umas coisas desagradáveis a outrem , vou mudar a minha política editorial. Nem é que tal interesse a alguém. Mas é importante para a minha consciência.

Mantenho o anonimato porque sou covarde .Foi-me incutido desde pequeno, de modo indirecto apesar de tudo, o medo do ridículo que é mostrar sentimentos . Ainda não consegui libertar-me dessa peia psicológica. Estou convicto contudo que lá chegarei com a ajuda destes blogues.

Quando essa altura chegar dar-me-ei a conhecer (creio que esta expressão não é inédita?).

Começo por fazer uma pequena descrição da minha personalidade:

Sou monárquico ( liberalmente absolutista) de coração e convicção. E considero-me politicamente e religiosamente incorrecto.
Tenho formação superior (licenciatura no tempo do faxismo) na área das Ciências. Pode-se dizer que, literariamente, nunca alinhei duas palavras seguidas. Calculem o esforço de faço agora!

Étnicamente descendo de árabes e judeus e tenho os defeitos dos dois lados sem possuír nenhuma das respectivas qualidades. Em consequência, e nos tempos que correm, a encruzilhada sado-masoquista que tem sido a minha vida encontra-se no auge, com repercussões graves na minha saúde mental.

Pertenço socialmente à classe média-alta e movo-me à vontade na Sociedade lisboeta que não aparece nas revistas desse mais que pindérico e ridículo grupo de patós que é jornalística e foleiramente apelidado de “jet-set”.

O que escrevo não pretende fazer polémica nem provocar respostas de quem quer que seja. Deixem-me em paz! Não me liguem. Façam de conta que não existo. Se não gostarem do que lêem façam um “print” em papel higiénico ( reparem que não sou tão mau como pareço, pois poderia ter sugerido papel Kraft, cartão canelado, papel de lixa etc...)e utilizem-no. Estou acima de todas as críticas!

Pretendo mais que tudo desabafar o que me vai indo no coração e na cabeça. Com certeza algumas vezes em tom de lamecha, outras de contornos líricos (poéticos quiçá...) e outras ainda, cuidem-se, cavalgando o corcel de ousadia em heróica arremetida !

Podem contar que no meio de tanta verve aparecerá muita cagada (adoro esta palavra. Bem hajam os que a trouxeram para a blogosfera). É fatal como o destino.

Por hoje chega.


quarta-feira, setembro 24, 2003

Quando abri este blogue perguntei-me: porquê? Porquê tentar interessar alguém em mais algumas patacoadas, mesquinhas, mal escritas e de conteúdo com ,mais que, duvidoso interesse para outrem que não eu?

Seria mais mais uma conta em milhares de rosários nas mãos ( imagem literária) da blogosfera. Valeria a pena?

Valeria a pena ombrear (imagem literária) com tantos e tão exímios artistas da palavra, competentes engenheiros do texto, arrojados arquitectos do pensamento, ilustres doutores da opinião e mais outros cagões?

Talvez valha a pena. Vamos a ver.

foradobaralho@yahoo.com





This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Weblog Commenting by HaloScan.com